FOTOS:
Proseven 977 Full Quark - Aparelho De Ultrassom De 1Mhz
  • Proseven 977 Full Quark - Aparelho De Ultrassom De 1Mhz
  • Proseven 977 Full Quark - Aparelho De Ultrassom De 1Mhz
  • Proseven 977 Full Quark - Aparelho De Ultrassom De 1Mhz

Proseven 977 Full Quark - Aparelho De Ultrassom De 1Mhz

flag-fastsaude
0
  • Cód.: 1768
  • DISPONIBILIDADE: INDISPONÍVEL
Sob Consulta
X

Proseven 977 Full Quark - Aparelho De Ultrassom De 1Mhz

Sob Consulta
Descrição
O ProSeven 977 Full Quark é um aparelho de Terapia via Ondas Ultrassônicas de 1 Mhz, sendo indicado para o tratamento de lesões crônicas, degenerativas, fibrosas, cicatriciais, principalmente patologias articulares.

Foi projetado para lhe proporcionar uma diversidade de recursos, máxima confiabilidade e facilidade de utilização. Dotado de micro processador no seu controle central, seus limites de evolução tornam-se quase infinitos, garantindo sempre a utilização de um equipamento atualizado e inteligente.


INDICAÇÕES

- Tendinites crônicas degenerativas
- Epicondilites
- Tenossinovites estenosantes;
- Sequelas fibrosas dos entorses e lesões musculares
- Capsulites
- Rigidez muscular
- Cicatrizes e Aderências
- Quelóides
- Patologia de Dupuytren




CONTRA-INDICAÇÕES

- Útero-Gravídico
- Câncer
- Cartilagem de crescimento
- Gônadas
- Hipoestesias profundas
- Locais e afecções com tendência a hemorragias
- Implantes recentes e fraturas não consolidadas
- Implantes metálicos cimentados



DADOS TÉCNICOS

Registro Anvisa: 80079190024
Alimentação: 115 a 127V / 210 a 230V (Bi-Volt autocomutado)
Frequência da rede de alimentação: 60Hz
Potência de entrada máxima: 40VA
Central de controle com microprocessador
Freqüência acústica de trabalho: 1MHz
Possui mais de 50 programas
Área útil do cabeçote(ERA): 3,8 cm2
Forma de onda: contínuo e pulsado
No modo pulsado oferece opções para freqüência de 16, 48 e 100MHz
Duty Factor: 10, 20 e 50%
Tempo de terapia:Até 30 minutos
BNR < 6
Peso c/ embalagem: 3,2Kg
Dimensões c/ embalagem (CxLxA): 35x33x15cm


ITENS INCLUSOS

01 Cabo de força
01Cabeçote Emissor
01Bisnaga de Gel
01Manual de operação


DÚVIDAS FREQUENTES


1. É necessário calibrar o Ultrassom frequentemente?
Sim, recomenda-se uma aferição a cada 6 meses ou toda vez que o cabeçote cair no chão, apresentar trincas, ou algum tipo de ruído. Só assim poderá ser realizada uma terapia eficaz com doses realmente confiáveis.

2. Como é realizado o teste para saber se o transdutor está emitindo ultrassom?
Coloque algumas gotas de água na face de alumínio do transdutor, aumente a intensidade e verifique o efeito de nebulização da água. A nebulização é a indicação de que seu equipamento está emitindo ultrassom e ela se apresenta de maneiras diferentes de aparelho para aparelho. O meio de condução do ultrassom emitido neste momento (gotas de água ar) é muito precário. Isto ocasionará uma rápida elevação da temperatura do alumínio para mais de 40 graus centígrados. Portanto, não exagere no teste para não danificar o cristal piezoelétrico dentro do transdutor.

3. Por que os movimentos do ultrassom devem ser lentos e contínuos?
Devido a não uniformidade do feixe de ultrassom, o cabeçote não deve ficar parado sobre um mesmo local. Também não deve ser movimentado muito rápido, pois não haveria tempo do tecido entrar em ressonância. O melhor procedimento é o movimento circular-deslocado, numa velocidade de 1 a 2 cm/segundo.

4. Posso reutilizar o gel de uma área para a outra?
Não é aconselhável, pois geralmente após o seu uso em uma região há a formação de microbolhas, seu aspecto se torna turvo, o que confere uma má condução.

5. O que pode influenciar o aumento da temperatura do equipamento?
Gel que já perdeu a condutividade tornando-se desta forma leitoso , opaco, quantidade insuficiente do mesmo, movimentos muito rápidos ou girar muitas vezes no mesmo lugar, e principalmente a falta de acoplamento do cabeçote.







Opiniões e Comentários
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Seja o primeiro a avaliar este produto